• Gustavo Candiota

MPF denuncia Lula de maneira avassaladora. Como o mercado vai reagir?


Para muitos, a grave denúncia feita ontem pelo MPF sobre o ex-presidente pode ser positiva para o mercado financeiro. Mas para outros, ainda não é suficiente. Pelo menos não no curto prazo. Entenda.

Pense que você é um grande investidor estrangeiro e está interessado em aplicar seu dinheiro em países emergentes. Seria o Brasil a "bola da vez" ? Em uma primeira análise, podemos dizer que o momento é propício pois tudo por aqui está barato após seguidas derrocadas do PIB, ações valendo menos que o patrimônio líquido da empresa, câmbio favorável e governo desesperado por concessões. Somado a isso, estamos passando ao mundo a impressão que uma verdadeira faxina está sendo feita na política, tirando todos os líderes incompetentes e corruptos.

Ainda assim, a cautela destes tão desejados investidores, necessários para retomar o crescimento do Brasil, deve continuar. Independente de impeachment, cassação de Eduardo Cunha e denúncias contra ex-presidentes de linha "anti-mercado". Por quê? Porque a experiência em negócios diz a eles: "ainda vou esperar um pouco mais para ver se o Brasil REALMENTE está entrando em um novo momento, se a mentalidade por lá está mudando de verdade, ou se tudo não passa de troca de 6 por meia dúzia, que no fim só serve pra transformar