• Gustavo Candiota

Ao passar pela imigração de qualquer país, não minta para o fiscal. Nunca.


Surpreso com os recentes casos onde duas jovens brasileiras foram impedidas de entrar nos EUA e levadas para um abrigo em Chicago? Pois é, situações como estas são amplamente divulgadas pela imprensa brasileira e comovem a população. Não há duvidas que tanto as meninas quanto as famílias sofreram muito.

Porém, falo com convicção uma coisa, da experiência de quem já viajou aos EUA dezenas de vezes: é 99% certo que ambas mentiram ou ocultaram alguma informação dos fiscais da imigração.

Tenha isto em mente: qualquer que seja sua situação, sua dúvida, seus objetivos ao entrar em um país... não invente nenhuma história. Fale a verdade. E se a verdade for que você quer permanecer um longo período, diga. Se seu visto não é suficiente para isto, nem embarque. Isto é CRIME. E muitos brasileiros cometem este crime. Se arriscam.

Já tive uma situação em que, ao preencher o formulário da imigração americana, cheguei a ficar em dúvida se colocava que haviam familiares comigo, pois sabia que meu pai passaria antes de mim pelo controle por que estava na classe executiva e eu na econômica. Nesta ocasião, cai na verificação aleatória e fui chamado para a "temida" entrevista em um local reservado. Pensei na sala de espera: "continuo afirmando que não estou acompanhado?". Logo depois pensei no mais seguro: "Não, vou dizer que, sim, estava acompanhado de familiar, no mesmo vôo e que errei ao interpretar a situação, pois estávamos passando separados." Isto poderia me trazer algum risco? Não sei, mas eu falei a verdade. Se ratificasse que estava sozinho e o policial percebesse que estou mentindo, AÍ SIM, os problemas poderiam ser grandes... eu poderia acabar no abrigo de Chicago. No fim, só revisaram meu passaporte e me liberaram, sem perguntas. Tudo muito simples, me trataram normalmente, sem qualquer preconceito.

O que quero dizer com tudo isto? Se você fala a verdade, se está respeitando as leis do país, nunca haverá humilhação, retenção de passaporte ou deportação. Nem mesmo nos EUA, que são extremamente cuidadosos, criteriosos e rígidos para proteger suas fronteiras. Tudo transcorrerá normalmente e você passará sem problemas.

Mais uma vez, tenha em mente: não minta na imigração. Nunca.

Att

Gustavo Candiota

Diretor GC Prime

#imigração #controle #passaporte #entrevista #EUA #Europa #ReinoUnido #Canada #Visto #viagem #lazer #estudos #trabalho

27 visualizações

por Gustavo Candiota

PARA SUA VIAGEM:

Blog do Câmbio
Pacotes túristicos!
Seguro Viagem com a melhor assessoria!
Chip intenacional compatível com +200 países!

© 2016-2020 GC Prime Câmbio Inteligente. Atendemos todo o Brasil. Fone / Whatsapp: (51) 4042.3838

SIGA-NOS:

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • Podcasts