• Gustavo Candiota

O que fazer com moedas metálicas que sobram da viagem?

Atualizado: Jul 13


Voltou de viagem ao exterior e sua niqueleira ou doleira está um "chumbo" de tanta moeda? Aquelas moedinhas que ficarão o resto do ano, ou da sua vida, na gaveta de sua mesa de cabeceira. Talvez até próxima viagem, ou não, pois provavelmente quando seu avião decolar, você vai lembrar da niqueleira que ficou para trás.


Veja abaixo nossa sugestão!

Primeiro vamos voltar no tempo:

Qual a recomendação ANTES de retornar ao Brasil?

  1. No último dia de sua viagem, procure trocar as moedas por cédulas em lugares como: lojas de conveniência, revistarias, bancos e até casinos. Lojas e principalmente restaurantes estão sempre desesperados por moeda para troco. Você estará contribuindo para o bom andamento do negócio e para o alívio de seus proprietários;

  2. Gaste tudo que sobrar no aeroporto, no dia de ir embora. Seja em Free Shops ou até para fazer um lanche antes de entrar no avião. Pague com as moedinhas mesmo que o atendente da cafeteria demore para contar cada uma e mesmo que todas as pessoas na fila atrás de você façam cara feia. Se o vôo deles está atrasado, problema é deles!



"Mas eu já estou em casa, e entupido de moedinhas. E agora?"

  1. Vá até sua casa de câmbio de confiança e verifique se aceitam trocar. É difícil, mas não impossível! Algumas aceitam moedas com valor de face maior. Ex: 50 centavos de euro ou maiores. Se seu caso é, digamos, pequenas moedas de Peso Argentino... esqueça! Guarde de recordação.

  2. Se forem moedinhas de dólar, guarde para sua próxima ida à fronteira;

  3. Ou dê de presente para um amigo que está indo para a fronteira;

  4. Coloque as moedas junto ao seu passaporte, com a niqueleira amarrada a ele, para não ter risco de esquecer de levar nas próximas férias e, aí sim, finalmente, gaste-as;

  5. Se as moedas forem de países mais incomuns para os brasileiros (ex: Florin de Aruba de 50 centavos quadrada), procure colecionadores. Você pode lucrar algum dinheiro com a venda, dependendo do ano e modelo.

Lembre-se: colocar dinheiro fora é CRIME. Mesmo que seja irritante acumular moedas indesejáveis nunca as descarte. No pior dos cenários, doe para uma entidade beneficiente.

Obrigado por visitar o Blog do Câmbio!

Posts recentes

Ver tudo
Blog do Cambio new logo.png
Inscreva-se no Canal YouTube da Câmbio Inteligente