• Ney Martini

Call de Mercado - 12 de Março

Bom Dia,

E as coisas não param de piorar...


Pois ontem a OMS declarou oficialmente o coronavírus como uma pandemia. De acordo com o órgão, o número de mortos e de países atingidos continuará aumentando. Eles já contabilizam mais de 126 mil infectados e de 4.291 mortos em mais de 110 países.

O VIX, índice do pânico, bateu em 53,76 pontos, um dos mais altos desde a crise de 2008. Vejam, pelo gráfico abaixo, que o último pico foi em nov/08, quando atingiu 59,89 pontos.


Por aqui, na bolsa tivemos uma nova interrupção nos negócios (quando o índice cai 10% as operações são suspensas por 30 min): o Ibovespa futuro fechou em queda de 13% e o dólar escalou novos patamares: fechou à R$ 4,815 às 18h.


Localmente o noticiário também não ajudou: o Congresso derrubou o veto do presidente Bolsonaro que impedia a ampliação dos requisitos para acesso ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). Em tese, o BPC é um auxílio destinado a pessoas com deficiência e idosos com renda per capita familiar inferior a um quarto do salário mínimo. O impacto da medida pode chegar à R$ 217 bilhões em 10 anos, comprometendo o ajuste fiscal já aprovado no ano passado.


À noite veio o discurso de Donald Trump: as viagens da Europa aos EUA estão suspensas por 30 dias, ele instruiu o Departamento do Tesouro a adiar a cobrança de impostos, e está concedendo US$ 50 bilhões em empréstimos para pequenas empresas, entre outras medidas. E a temporada de basquete (NBA) também foi suspensa por lá.


E o coronavírus chegou: segundo um estudo de um hospital brasileiro, o número de casos por aqui poderá chegar a 4.000 em 15 dias e de 31.000 em 21 dias. Chegaram a estes números após concluírem que a evolução da epidemia em países como Coréia do Sul, Itália e Irã tiveram comportamentos surpreendentemente semelhantes. À nível nacional, o governo estuda, inclusive, antecipar as férias escolares. Segundo o Ministro da Saúde, o cenário local será de um contágio em espiral, e teremos tempos difíceis a partir de agora. Já temos 69 pessoas infectadas.


Para hoje o Bacen já anunciou um leilão de dólares de US$ 1,5 bilhão no mercado à vista. Lá fora as bolsas asiáticas caíram fortemente, os índices futuros de NY desabam assim como as bolsas europeias. As moedas emergentes também desabam frente ao dólar (entre 0,5% e 3,5%).


É mais um dia de pânico, e os mercados ficarão de olho na evolução do contágio do Covid-19 e nas decisões dos governos e organismos internacionais (BCE, Banco Mundial, FMI) para enfrentá-lo.


Ney Martini

Formado em Adm. de Empresas pela UFRGS

35 anos de experiência em mercado Forex

Mais de 10 anos de atuação no Citibank como Treasury Trader e outras passagens por grandes bancos e corretoras, responsável pelas operações de câmbio e derivativos


Aviso: este texto foi integralmente transcrito de boletim interno para o Blog do Câmbio mediante autorização formal do Autor. A reprodução, total ou parcial, em outras páginas é terminantemente proibida.

#pandemia #dolarrecorde #commodities #coronavirus #viruschines #epidemia #calldemercado #neymartini #dolarcomercial #forex #fxcorporate #covid19 #riskOFF #panico #bacen #donaldtrump #Europa #VIX #tempossombrios

21 visualizações

por Gustavo Candiota

PARA SUA VIAGEM:

Blog do Câmbio
Pacotes túristicos!
Seguro Viagem com a melhor assessoria!
Remessas expessas. Batemos a #transferwise !
Chip intenacional compatível com +200 países!

Patrocinam o Blog / Podcast / WebTV

Chip global mysimtrvl - Voz e Dados
Ivan Pons - Moda Masculina
A Operadora Oficial da EAA Oshkosh no Brasil
+ 55 assinantes

© 2016-2020 GC Prime Câmbio Inteligente.

SIGA-NOS

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • Branca Ícone Spotify