• Gustavo Candiota

Eleição EUA e Covid. Momento é de máxima cautela.

Com a eleição para presidente dos Estados Unidos muito próxima e a proliferação de novos casos de Covid19 acelerando pelo mundo, o sentimento de incerteza dentre investidores, que já era grande ao longo de todo este ano desafiador, agora foi multiplicado por 10.


Por quê?


Pelo imprevisível, o imponderável, e até... medo. A tensão e ansiedade pelos resultados, as consequências que cada um traz, os possíveis reflexos do resultado das urnas americanas no restante do mundo. Analistas afirmam que estamos diante da disputa mais importante da história. Se Trump for reeleito, vamos (mundo) em uma direção. Se Biden vencer, vamos em outra oposta. Inclusive com relação às relações comerciais com a China. Sem esquecer que, em meio a todo esse sentimento de apreensão temos a maior pandemia dos últimos 100 anos mostrando que novos lockdowns devem ocorrer, retardando ainda mais a retomada do PIB americano, e consequentemente, do PIB global.



O que isto significa para nós, mortais?


A crise pode ter deixado seu fundo do poço pra trás, mas está longe do fim. Precisamos ter máximo cuidado para qualquer tomada de decisão agora, principalmente até dia 3 de novembro. Entenda que o grau de risco para uma aplicação ou resgate nos próximos dias é maior, assim como, claro, junto a ele, temos chance de bons retornos, não há como descartar a chance. Mas o questionamento principal que deve ser feito é, você tem perfil para assumir tamanho risco? Caso positivo, grandes oportunidades estão disponíveis.


No entanto, se você for um investidor de moderado a conservador, entre no modo "Stand by" e aguarde o resultado do pleito americano. Já se o seu perfil é ultra-conservador, se você tem medo até de renda fixa ou de baratas e rãs de banheiro, aguarde a vacina da Covid19, por mais tempo que demore para seu braço ser finalmente picado. DEPOIS que a poeira baixar, o horizonte clareia e a chance de sucesso nas aplicações e empreendimentos é maior, ainda que com um retorno mais modesto, pois você não se antecipou ao movimento, você esperou e os mais arrojados sairam na frente, pegaram melhor preço. É inevitável e o mercado é assim. Sempre foi. Faz parte do jogo.


Enquanto isso... compre dólar. O porto seguro dos grandes players quando estamos em meio ao caos. Você não vai se arrepender. Alias, vale lembrar: estamos recomendando compra de dólar desde fevereiro. Verifique na seção "mais lidos" do Blog. Um investimento que já rentabilizou +40% em 9 meses com um grau de risco moderado.


Mais informações, opinião e consequências das eleições americanas, acompanhe nosso Podcast.


Boa sorte!


Gustavo Candiota

Formado em Administração de Empresas pela PUCRS

Diretor da GC Prime Câmbio Inteligente

Executivo do mercado financeiro e assessor de câmbio

Certificado AAI Ancord em 2010 e PQO Bovespa em 2012

CE Intr. Wall Street no New York Institute of Finance e Criador do Blog do Câmbio


por Gustavo Candiota

PARA SUA VIAGEM:

Blog do Câmbio
Pacotes túristicos!
Seguro Viagem com a melhor assessoria!
Remessas expessas. Batemos a #transferwise !
Chip intenacional compatível com +200 países!

Patrocinam o Blog / Podcast / WebTV

Chip global mysimtrvl - Voz e Dados
Ivan Pons - Moda Masculina
A Operadora Oficial da EAA Oshkosh no Brasil
+ 57 assinantes

© 2016-2020 GC Prime Câmbio Inteligente.

SIGA-NOS

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • Branca Ícone Spotify