Saiba como aproveitar Nova York por 7 dias com apenas 100 dólares!

29/03/2017

Sim, é possível. Não é pegadinha. Elaborado por alguém que já morou por 3 meses em NY e voltou a visitar a cidade em outras 7 oportunidades, tornando possível conhecer todos os seus cantos, dicas, truques e facilidades das mais variadas possíveis, temos aqui um guia resumido de como conseguir este difícil feito: aproveitar 1 semana na Big Apple com apenas 100 dólares! Obs: sem incluir o bilhete aéreo para chegar até lá, óbvio!

 

Vamos lá! Veja abaixo.

 

1) Ao desembarcar do avião, compre o cartão MTA weekly pass por R$ 32.

 

Pronto, você já tem transporte férreo por absolutamente toda a ilha de Manhattan, Brooklyn, Bronx e Queens sem mais nenhum custo. Deslocamentos ilimitados durante o período inteiro. Esqueça Taxis, Ubers, Cabifys, Bike Rental, Helicópteros, etc. Daqui em diante, só Subway e suas próprias pernas!

 

2) Limite suas refeições a restaurantes nos bairros mais modestos ou faça lanches rápidos

Abandone a idéia de fazer sua refeição nos restaurantes da Times Square, nas casas de chá dos jardins do Central Park, nos finos restaurantes do Soho ou no observatório da Freedom Tower. Durante esta semana, ao pensar em comer procure apenas as lanchonetes utilizadas no dia-a-dia dos Nova-Iorquinos. Ex: Um ótimo Hot Dog no Gray's Papaya custa apenas U$ 1.25. ou então uma deliciosa fatia de pizza no Little Italy. Já para quem quer evitar fast-foods e ainda assim economizar vale a pena pegar o Subway (sem custo adicional, pois você já comprou o weekly pass no item 1) e ir até a estação 36av em Astória/Queens para comer, adivinhe, um churrasco brasileiro no restaurante Copacabana. Custo médio de um prato reforçado + refri: 10 dólares. Monitorar o dia do "Dollar Menu" no Mc Donald's é outra opção. E por último, mas por favor deixe por último mesmo, compre um Cup Noodle's (uma espécie de Nissin Miojo) por apenas 90 centavos em qualquer loja de conveniência e encontre um micro-ondas para fervê-lo. Você pode pedir um garfo de plástico no local e comer debaixo de uma árvore em uma das muitas praças da ilha. Delícia, hein?

 

 

3) Realize apenas passeios turísticos gratuitos. Sim, existem muitos!

 

 

Pode tirar o cavalinho da chuva! Nesta trip você não vai ver um show da Broadway, não vai tomar champagne em um iate costeando Manhattan e não vai tirar foto aos pés da estátua da liberdade. Para seguir dentro do orçamento, distribua em sua semana Yankee os seguintes passeios totalmente sem custo ao turista:

 

  • Passeio no Ferry para a Staten Island, ida e volta (gratuito. É transporte público para a população e você ainda enxerga a Estátua da Liberdade - de longe, mas enxerga). Obs: tem até wi-fi grátis no barco!;

  • Caminhar pelo Central Park para fazer exercícios e tomar um banho de sol;

  • Conhecer a Grand Central Station e seu pé direito monstruosamente alto;

  • Visitar a recepção do prédio da ONU, sem fazer o Tour principal;

  • Visitar o luxuoso mall no World Financial Center (sem comprar nada, óbvio);

  • Cruzar a Brooklyn Bridge à pé (se cansar pra voltar, use o seu cartão MTA ilimitado e volte de metrô);

  • Conhecer o bairro Jumbo no Brooklyn (você nunca ouviu falar, mas certamente já viu o local em muitos filmes!);

  • Conhecer o icônico hotel The Plaza e seu interior cinematográfico;

  • Pratique Ioga no Bryant Park (verão e primavera) ou patinação no gelo (inverno). Sim! Sem custo;

  • Caminhar pela costa sul de Manhattan, partindo da Marina no World Financial Center;

  • Assistir à filmes nos telões distribuídos pelos parques da cidade (verão). Costuma ter no Pior 63;

  • Caminhe pelas apertadas ruas do centro financeiro, principalmente pela famosa Wall Street. Vá conhecer o Touro e, recentemente, a estátua da menina que enfrenta o Touro;

  • Vá ao MoMa (The Museum of Modern Art) na sexta-feira. A entrada é franca entre 4pm e 8pm;

  • Sente-se na arquibancada vermelha da Times Square e aprecie as luzes;

  • Vá até a Biblioteca Pública de Nova York (NYPL) e encante-se com sua estrutura. Leia um livro sem custo e sinta-se em um filme! (muitos já foram filmados na sala de leitura, você vai lembrar!);

  • Visite o Memorial do 11 de setembro com as gigantescas piscinas e seu silêncio chocante;

  • Conheça o pequeno museu da Times Square. Pouca gente conhece, mas vale a visita e a entrada é franca

  • Apesar de uma viagem longa de metrô - uns 40 minutos - conheça Coney Island. O que há de mais próximo a uma praia balneável em NY. Não é das mais bonitas, mas o cenário é icônico. O parque de diversões do local certamente você já viu em filmes ou desenhos de sua infância. Digite "Coney Island" no Google e perceba. Obs: lá também tem cachorro-quente barato. O mundialmente famoso: Nathan's Hot Dog. Nota do autor: dizem que aqui que foi INVENTADO o Hot Dog. Será?

 

4) Hospede-se na casa de algum amigo que mora em Nova York

 

 Parece ironia ou piada de mal gosto colocar esta dica no post? Não é! Existem muitos, muitos brasileiros amigos nossos ou conhecidos de amigos que moram na cidade e podem oferecer um pequeno canto, um colchão no chão. Pesquise que você encontra! E não importa que seja distante das regiões mais principais. Você tem Subway card ilimitado, lembra? Só é importante ter certeza que o local oferecido é próximo de uma das estações do metrô. Ou no máximo 15 min walk distante. ok?

 

 

 

5) Tire muitas fotos em seu celular!

 

Antigamente as pessoas precisavam gastar bastante dinheiro em filmes! Hoje não há qualquer custo, apenas ter uma tomada por perto, não é? Pois aproveite os tempos modernos e fotografe tudo! A cidade é espetacular! E não será necessário pagar pela internet se você gosta da atividade mais comum dos turistas na atualidade: O caçador de WI-FIs. Em Manhattan tem em cada esquina. Dica: tem acesso gratuito em todos os Starbucks! Falando em café - ninguém é de ferro - você está autorizado a tomar 1 tall caffe Latte por dia no valor aproximado de U$ 3.

 

 

6) Compre lembranças nos NYC Gift Shops

 

 Existem centenas de lojas com Souvenirs baratos e muito bonitos espalhados por toda a ilha de Manhattan. Com 10 dólares você compra uma lembrança para a família toda e ainda sobra umas moedas. Não dá pra voltar de lá sem nada nas mãos, mesmo em uma viagem ultra-econômica. Convenhamos!

 

E aí? Some tudo e me digam se deu mais de 100 dólares para os 7 dias! Não né?

 

Enjoy New York City!

 

Abraços e boa viagem!

 

Dica do Blog do Câmbio: Para hotéis e acomodações em Nova York recomendamos o portal Booking.com.

 

Att

Gustavo Candiota

Diretor GC Prime Câmbio Inteligente e apaixonado por NYC.

 

 

 

 

 

Please reload

C O M P A R T I L H E !
VOCÊ GOSTOU DESTE POST ?
BLOG DO CÂMBIO RECOMENDA