Call de Mercado - 3 de Dezembro

03/12/2019

Bom Dia,

 

No primeiro pregão do mês, o dólar operou em queda e fechou em R$ 4,213 (-0,64%).

 

E o destaque do dia foi a imposição de tarifas, por parte dos EUA, ao alumínio e ao aço brasileiros e argentino. De uma maneira geral, o efeito desta medida sobre as exportações brasileiras poderá ser de até 7% das vendas totais ao exterior. Lembro que os EUA haviam imposto estas tarifas ao nosso país recentemente, mas que as mesmas estavam suspensas. A preocupação nem é tanto quanto a imposição das tarifas em si, mas que isso pode desencadear uma guerra cambial (basta analisarmos as recentes desvalorizações do real e do peso argentino. Quanto mais fracas as moedas, melhor para se vender ao exterior...).

 

Hoje sairá o PIB brasileiro do 3T (9h) e lá fora a agenda é tranquila. O foco é a guerra comercial (também ontem Donald Trump propôs elevar em até 100% tarifas sobre US$ 2,4 bilhões em produtos franceses importados pelos EUA, e ainda estuda fazer o mesmo sobre a Áustria, Itália e Turquia). E por aqui também teremos leilão de dólar spot junto com o de swap cambial: o lote é de US$ 500 milhões (rolagem de fevereiro).

 

 

 

Falando sobre nossa economia, espera-se que o número do PIB venha em torno de +0,5% em relação ao período anterior. O número deverá mostrar uma recuperação puxada pelos investimentos fixos e pelo consumo interno. Dados do Black Friday apontam vendas acima das expectativas. Segundo gestores, nosso país está numa boa situação: a economia está saindo da recessão e as taxas de juros estão nas mínimas históricas.

 

Os mercados operam retraídos, e as bolsas da Ásia já fecharam em queda (exceto Xangai). Os futuros de NY apontam para uma abertura em alta moderada e as bolas europeias operam de olho nas questões tarifárias, mas em território levemente positivo.

 

As moedas EM operam sem sinal definido: a maior oscilação é do rand sul-africano, que perde 0,7% frente ao dólar. As demais oscilam perto da estabilidade.

 

Tenham Todos uma Ótima Terça-feira.

 

 

Ney Martini

 

Formado em Adm. de Empresas pela UFRGS

35 anos de experiência em mercado Forex

Mais de 10 anos de atuação no Citibank como Treasury Trader

e outras passagens por grandes bancos e corretoras, responsável

pelas operações de câmbio e derivativos

 

 

 

 

 

Aviso: este texto foi integralmente transcrito de boletim interno para o Blog do Câmbio mediante autorização formal do Autor. A reprodução, total ou parcial, em outras páginas é terminantemente proibida.

 

Please reload

C O M P A R T I L H E !
VOCÊ GOSTOU DESTE POST ?
BLOG DO CÂMBIO RECOMENDA
Cobertura Global!
car rental_edited.png
booking_edited.png

Vai pegar a estrada? Alugue seu carro no portal Rentcars! Compare os preços em mais de 100 locadoras!

A melhor assistência no exterior!
Assine a Newsletter

Receba os principais posts do Blog em seu e-mail!

Anúncios Google

Ajude a manter o Blog do Câmbio gratuito. Conheça os anunciantes!

por Gustavo Candiota